Roteiro completo em Santiago

July 23, 2017

Santiago é uma das cidades mais lindas da América Latina, mas o que mais impressiona são os arredores que encantam com tantas montanhas que fazem um cenário digno de Suiça! Seja no frio ou no calor, é um lugar que todos deveriam conhecer e com muita coisa para fazer. Entre cidade, vinícolas, praias e neve, tem muita coisa para fazer (independentemente do número de dias que vai ficar).

 

Santiago no Inverno: para quem gosta de neve

Valle Nevado e Farellones: As montanhas mais turísticas e mais perto de Santiago. Confira como foi o nosso dia por lá! Leia aqui.

 

Colorado e Portillo: são montanhas um pouco mais longe e cheia de pessoas que realmente gostam de esquiar – e não são só turistas!! Nunca fomos, mas quem sabe um dia vamos e deixamos nossas dicas por aqui!!

 

Santiago no Verão: para quem gosta de praia e piscina!!

Valparaíso e Vina del Mar: o tour tradicional de quem vai no verão para Santiago. Um bate volta (ou até passar uns dias) por essas 2 cidades no litoral. Valparaíso, conhecida pelo porto e por uma das casas de Pablo Neruda. Vina del Mar, conhecida pelas casas luxuosas beira mar e agito dos chilenos!! Confira como fomos para lá e o que fizemos. Leia aqui.

 

Isla Negra e Algarrobo (A maior piscina do mundo): outro lugar bem famoso por causa da casa do Pablo Neruda e logo depois uma passada na maior piscina do mundo. Em tour não é possível entrar na piscina. Mas se quiser curtir um fim de semana na piscina, terá que alugar um apartamento por lá (e que não é muito barato). Confira como foi nosso tour por lá!! Leia aqui. (não fomos no verão... estava quase inverno já... mas o sol ajudou!!)

Cajón del Maipo (+ Embase el Yeso) e Termas de Colina: 2 lugares incríveis apenas há 1 hora de viagem de Santiago. Impossível fazer os 2 no mesmo dia. Também não são lugares que tem que ir no auge do verão. Os tours para lá ficam disponíveis até maio mais ou menos. Quando começa a nevar, aí já fica mais difícil de chegar pelas estradas. Fomos apenas para Cajon (Termas deixaremos para o próximo verão). Confira como foi o nosso dia por lá. Leia aqui.

 

Cidade: reverve pelo menos 1 dia

Santiago não tem muitas coisas para fazer, mas tem muitos bairros legais para conhecer... e muito lugar para comer!! Então, reserve pelo menos 1 dia para conhecer a cidade. Lá você poderá dar uma volta pelo Centro histórico, passando depois pelo bairro Lastarria (que é um dos melhores locais para comer). No centro fica o Cerro Santa Lucia (que é muito gostoso para dar uma volta e gratuito para subir).

Logo depois, bem perto do centro, tem o Patio Bella Vista (que é um pouco turístico demais, mas vale a pena conhecer). Mais afastado, fica o Cerro San Cristobal – esse sim vale a pena subir. Tem 4 opções para subir: carro, teleférico, funicular ou trilha a pé (essa um dia ainda quero fazer). Depois em Las Condes ainda tem o Parque Araucano e o Shopping Parque Arauco (que é um shopping meio aberto e fechado cheio de restaurantes e lojas) que é ótimo para ir no final do dia.

 

 

Onde comer?

Chipe Libre: um bar incrível de Pisco.

Bocanariz: um restaurante muito famoso que primeiro você pede o vinho e depois pede os pratos combinando

Hotel Luciano K: um hotel em Lastarria com um rooftop incrível (bom para ir no final do dia)

Azotea Matilde (esse é o meu preferido): é um rooftop no centro – perto do Patio Bella Vista – que tem uma comida maravilhosa (e bebida também). É um pouquinho mais caro do que o normal, mas é uma delicia! Vale a pena ir no final do dia!

Red Luxury (esse fui na última vez que estive em Santiago): é um bar escondido no Patio Bella Vista muito legal. Sentamos em uma mesa que era um “pimbolim” e enquanto comíamos e bebíamos, jogávamos!!

Tiramissu: uma pizzaria muito boa em Vitacura

Tio Tomate: outra pizzaria muito boa em Vitacura

Meztiso: restaurante peruano que dizem que é muito bom!

 

Onde ficar?

Providencia e Centro: se eu tivesse que escolher, ficaria em um desses dois lugares. Providencia é mais residencial e o Centro – como todo centro – no final de semana e a noite é um pouco mais deserto (e mais perigoso).

Vitacura e Las Condes: são bairros mais longe – perto dos centros comerciais de Santiago (eu adoro, mas não tem nada para fazer e você terá que pegar taxi para ir em todos os lugares)

 

Vinícolas

Em Santiago tem vinícolas para ficar mais de 1 mês turistando, mas as mais famosas e as que recomendo são:

Concha y Toro: a mais perto da cidade, bonita, mas na minha opinião, PEGA TURISTA!!! Se tiver que escolher uma e estiver com pouco tempo para conhecer, pode ir nela. Mas não vai conhecer as melhores de Santiago.

 

Undurraga: é uma das vinícolas mais antigas de Santiago. Ela é menor do que outras, mas é linda demais!!

 

Emiliana: na minha opinião a mais legal e a mais bonita. Eu fui na 1ª vez que eu estive no Chile (tinha 20 anos acho) e o tour é muito bom. E fui no verão, onde as plantações estavam cheias.

 

E aí, animou de ir para o Chile?

#porumavidasemrotina

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

You Might Also Like:

Uma volta por Quito

October 4, 2019

Bate-Volta em Quilotoa

October 3, 2019

1/15
Please reload

© 2023 by Going Places. Proudly created with Wix.com