Um fim de semana na Patagônia

October 24, 2017

Nós e as ideias das viagens de final de semana (que para alguns são ideias de girico e para nós, é como aproveitamos a vida).

E foi assim mais uma vez: Patagônia.

 

Para chegar na Patagônia (Chilena ou Argentina) tem que passar por alguma cidade maior (Santiago ou Buenos Aires).

No meu caso, fui desde Santiago (que já estava lá). E o nosso destino seria: Torres del Paine.

 

E quem me acompanhou nessa loucura foi a minha amiga Roberta. Mas o caso da loucura a Agnes seria uma das que toparia um roteiro de bate-volta assim também!!!

 

Como chegar a Torres del Paine? 

- Voos direto para Punta Arenas (ano todo) e direto para Puerto Natales (entre os meses de dezembro e janeiro mais ou menos).

- Se chegar por Punta Arenas: tem que pegar um ônibus ou transfer para Puerto Natales.

O Parque Nacional Torres del Paine fica a 90Km de Puerto Natales.

- Se chegar por Puerto Natales, pode ficar por lá mesmo.

Ou, se for ficar hospedado no parque, tem que pegar um transfer para o Parque Nacional Torres del Paine.

 

Onde ficar?

Há quem opte por ficar em Puerto Natales (que tem mais opções de hospedagens) – que foi meu caso – ou há quem opte por ficar dentro do Parque Nacional Torres del Paine (esse mais recomendado para quem for fazer as trilhas do parque)

 

Chegando em Torres del Paine

Sexta feira a tarde pegamos um voo para Punta Arenas e depois um ônibus para Puerto Natales. Nos hospedamos por lá mesmo. E no sábado de manhã fomos para o parque.

 

Antes, passamos pela “Cueva de Melidon”. Nesse final de semana que fomos, todas as entradas foram liberadas (porque era a semana do meio ambiente), mas a Cueva custa 5mil pesos e o parque custa – 6 mil para chilenos e 21 mil para todas as outras pessoas (sim, um absurdo de diferença). Valores de 2017. https://torresdelpaine.com/en/

 

Depois da cueva seguimos para o Parque Nacional Torres del Paine.

O parque é enorme e fomos com um tour guiado – e só fizemos a parte que o carro chegava.

No parque tem diversas maneiras de visitar: de carro ou a pé - trilhas (de 1 ou vários dias). Como tínhamos apenas 1 dia, escolhemos o tour de carro.

 

Trilhas que podem ser feitas em Torres:

1 dia: Base das Torres

4 ou 5 dias: Circuito W

10 dias: Circuito Grande (esse é cansativo e diria que é para profissionais rs).

 

No dia seguinte, tínhamos o dia todo para passear. E qual a ideia que tivemos? Ir para El Calafate e visitar a 3ª maior geleira do planeta – Perito Moreno.

Uma ideia boa, porém muito cansativa. Saímos as 5am de Puerto Natales, passamos pela saída do Chile (2 horas), depois pela entrada da Argentina (mais 30 min) e seguimos para El Calafate (3 horas). E de lá, fomos para o Perito Moreno (1 hora). Quando chegamos lá, ficamos 1 hora no barco (navegação) e 1 hora nas passarelas. E depois voltamos para Puerto Natales e logo Punta Arenas (porque tínhamos um voo para pegar).

 

Ou seja, mais tempo no caminho do que no Parque. Mas, posso dizer que VALEU MUITO A PENA. Se não tiver mais dias (como nós) recomendo incluir. Se tiver mais um dia, ou se puder voltar direto de El Calafate, recomendo também! Com essa loucura de bate-volta, ficou faltando só o Ushuaia para completar o circuito do fim do mundo. Quem sabe o ano que vem ne?

 

#porumavidasemrotina

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

You Might Also Like:

Uma volta por Quito

October 4, 2019

Bate-Volta em Quilotoa

October 3, 2019

1/15
Please reload

© 2023 by Going Places. Proudly created with Wix.com