Buscar

Patagônia: Torres del Paine


Nós e as ideias das viagens de final de semana. E foi assim mais uma vez: Patagônia.

Para chegar na Patagônia (Chilena ou Argentina) tem que passar por alguma cidade maior (Santiago ou Buenos Aires). No meu caso, fui desde Santiago (que já estava lá). E o nosso destino seria: Torres del Paine

Como chegar a Torres del Paine?

- Voos direto para Punta Arenas (ano todo) e direto para Puerto Natales (entre os meses de dezembro e janeiro mais ou menos). - Se chegar por Punta Arenas: tem que pegar um ônibus ou transfer para Puerto Natales. O Parque Nacional Torres del Paine fica a 90Km de Puerto Natales. - Se chegar por Puerto Natales, pode ficar por lá mesmo. Ou, se for ficar hospedado no parque, tem que pegar um transfer para o Parque Nacional Torres del Paine.

Onde ficar?

Há quem opte por ficar em Puerto Natales (que tem mais opções de hospedagens) – que foi meu caso – ou há quem opte por ficar dentro do Parque Nacional Torres del Paine (esse mais recomendado para quem for fazer as trilhas do parque). Puerto Natales não tem tantas opções de hotel assim... mas tem para todos os gostos!! Ficamos no Hotel Costaustralis (excelente).

Chegando em Torres del Paine

Sexta-feira a tarde pegamos um voo para Punta Arenas e depois um ônibus para Puerto Natales. Nos hospedamos por lá mesmo. E no sábado de manhã fomos para o parque. Antes, passamos pela "Cueva del Milodón". Nesse final de semana que fomos, todas as entradas foram liberadas (porque era a semana do meio ambiente), mas a Cueva custa 5mil pesos e o parque custa – 6 mil para chilenos e 21 mil para todas as outras pessoas (sim, um absurdo de diferença). A cueva faz parte do tour, mas na minha opinião, bem desnecessário rs. Meio boring!!

Depois da cueva seguimos para o Parque Nacional Torres del Paine. O parque é enorme e fomos com um tour guiado – e só fizemos a parte que o carro chegava. No parque tem diversas maneiras de visitar: de carro ou a pé - trilhas (de 1 ou vários dias).

Como tínhamos apenas 1 dia, escolhemos o tour de carro.

O tour de carro passa por diversos lugares também.

* Laguna Amarga

* Lago y Glaciar Grey

* Salto Grande

* Vista as torres (que demos um pouquinho de azar e estava todo coberto rs)

E tem algumas outras paradas que tem umas vistas INCRÍVEIS

Trilhas que podem ser feitas em Torres:

1 dia: Base das Torres (aquelas fotos maravilhosas que vemos no Instagram)

4 ou 5 dias: Circuito W

10 dias: Circuito Grande (esse é cansativo)

No dia seguinte, tínhamos o dia todo para passear. E qual a ideia que tivemos? Ir para El Calafate e visitar a 3ª maior geleira do planeta – Perito Moreno. Uma ideia boa, porém muito cansativa.

Saímos as 5am de Puerto Natales, passamos pela saída do Chile (2 horas), depois pela entrada da Argentina (mais 30 min) e seguimos para El Calafate (3 horas). E de lá, fomos para o Perito Moreno (1 hora). Quando chegamos lá, ficamos 1 hora no barco (navegação) e 1 hora nas passarelas. E depois voltamos para Puerto Natales e logo Punta Arenas (porque tínhamos um voo para pegar). Ou seja, mais tempo no caminho do que no Parque. Mas, posso dizer que VALEU MUITO A PENA. Se não tiver mais dias (como nós) recomendo incluir. Se tiver mais um dia, ou se puder voltar direto de El Calafate, recomendo também!

Com essa loucura de bate-volta, ficou faltando só o Ushuaia para completar o circuito do fim do mundo. Quem sabe o ano que vem ne?

#porumavidasemrotina

#torresdelpaine #patagonia #chile

26 visualizações

© 2023 by Going Places. Proudly created with Wix.com