Buscar

Malásia: Kuala Lumpur


Kuala Lumpur é a capital da Malásia e muito conhecida pelas Torres Petronas (dois arranha-céus revestidos de vidro e aço com temas islâmicos e 451 metros de altura). Agnes e Marcella foram em períodos diferentes e aqui te passam todas as dicas do que fazer na cidade e arredores.


Como chegar? Voos de quase todos os países da Ásia!

Quantos dias ficar? Mínimo 2, máximo 4.

Onde ficar? Nos hospedamos em Jalan Alor, um bairro que lembra uma China Town, tem lojinhas, salões de massagem, feira de rua, restaurantes, aquela bagunça que adoramos. E ainda uma ruazinha cheia de bares bem legais! Encontre seu hotel aqui.


A cidade é bem legal, mas não tem tantos atrativos turísticos, a não ser que você queira fazer compras e curtir shoppings, por quê eles tem diversos, gigantes, lindos e com todas as grifes que você imaginar (e para nós, brasileiros, é relativamente barato).


Para locomoção na cidade optamos pelo Hop On Hop Off, as principais paradas são as seguintes:

KL Tower: é a torre de Tv, mas essa perdeu um poyco a graça depois da construção das Petrona Towers; apenas demos aquela paradinha para fotos na frente;

P.Ramle: é um local com shoppings e restaurantes;

Aquário

Bukit Bitang: é o point da vida noturna;

China Town

Central Market: é o local comprar de tudo;

Little India (bem sem graça)

National Museum: esse vale a visita, mostra toda a história do país que muito nos surpreendeu; a Malásia tem uma mistura de cultura, colonizações de diferentes povos, teve a independência recente, teve golpe, crise econômica, é muito interessante;

National palace – é uma parada rápida, pois não se pode entrar;

Lake Garden

Bird Park

National Mosque (maravilhosa)

Istana Budaya: é o teatro nacional, se tiver tempo vale a parada, mas não é daqueles pontos imperdíveis.


Sultan Abdul Samada Building: é uma rua mto bonita e o "I love KL" está logo ao lado;

KLCC (as famosas Petronas Towers): construídas em 1998, têm 88 andares e 452 metros, há uma ponte que liga as duas, hoje é o sexto prédio mais alto do mundo. No tour pelas torres há uma parada na ponte e outra no topo. Super dica: o ingresso tem que ser comprado com certa antecedência, passamos lá num dia a tarde e só tinha subida para o dia seguinte a noite! É necessário se organizar.

Batu Caves

Batu Caves é uma colina de calcário que possui uma série de cavernas e templos perto de Kuala Lumpur - em Gombak.


Como chegar? Trem ou Uber.

Reserve pelo menos meio dia para esse passeio

DICA: Lá mulheres tem que cobrir as pernas para entrar, mas tem aquelas saias para pegar na entrada. Se quiser, leve uma canga para cobrir as pernas ao entrar no templo!

É apenas observar a maravilha de tempo, descendo a escadaria da estátua gigante, do lado direito há o museu com diversas esculturas, alguma bem bizarras....

E agora, as escadinhas foram modernizadas e estão bem coloridas.

Para a noite, recomentamos a Zouk – balada que existe em Cingapura e Kuala. Fica em Bukit Bitang, então existem diversos bares ao redor para um esquenta, a balada tem o espaço muito legal, porém só um pessoal meio estranho. Acabamos conhecendo outros brasileiros e nos divertimos.

E na última noite, fomos para o Skybar do Traders Hotel, que tem uma vista incrível das Petrona Towers.

#porumavidasemrotina


#Malasia #malasya #kualalumpur #petronatowers #bukitbitang #istanabudaya #asia

0 visualização

© 2023 by Going Places. Proudly created with Wix.com